Clique para voltar à página inicial! Unisepe - Mantenedora
Engenharia da Produção
  
 
 
 
 
 
 
 

 

Curso de Graduação

Engenharia da Produção

O curso de Engenharia de Produção do Centro Universitário Amparense - UNIFIA tem como objetivo geral:
“Preparar o profissional engenheiro de produção por meio do desenvolvimento da capacidade crítica, comprometido com as necessidades da sociedade e com a assimilação permanente de competências técnico-científicas, políticas e sociais para transformar conhecimentos científicos em inovações tecnológicas a serem utilizados na atividade produtiva”.
Orientado por este objetivo, o curso de graduação em Engenharia de Produção capacita seus estudantes por meio do desenvolvimento de habilidades técnicas e gerenciais necessárias para projetar e melhorar a eficiência e a eficácia das organizações e as condições de trabalhadores e dos espaços de trabalho, bem como entender da gestão de pessoas, recursos e finanças.
O perfil do Engenheiro de Produção egresso do UNIFIA que se constrói é: “de um profissional que tenha uma forte base referencial teórica, mas que tenha, principalmente, uma visão prática e atuante no mundo do trabalho, bem como no tocante aos aspectos sociais e de cidadania”.
Esse profissional tem como principal atividade o projeto, o melhoramento, a implantação e o gerenciamento de sistemas produtivos de instituições industriais, comerciais, financeiras e de serviços, consciente da importância da atualização e responsabilidade de sua atuação. Ele deve conhecer a teoria e a metodologia usada para analisar e modelar sistemas de relevância em engenharia de produção, em particular projetos que integrem materiais, energia, informações e recursos humanos e financeiros, através da análise da sequência de produção, layouts e fluxos, métodos e procedimentos de trabalho. 
Além da atividade tecnológica, esse profissional tem a sua atuação relacionada ao gerenciamento de recursos humanos, à negociação de contratos, à ética e à responsabilidade legal, tanto quanto aos aspectos de comunicação interpessoal.
Compreende em detalhes o papel do empreendedorismo como mecanismo de desenvolvimento econômico e social, uma grande via disponível para um país como o Brasil.
Também, pelo processo formativo, é estimulado à investigação e constante atualização técnica.

O curso de Engenharia de Produção do UNIFIA, com o propósito de proporcionar um modo significativo de assimilação crítica da ciência e tecnologia, disponibiliza aos seus alunos um conjunto de Laboratórios que lhes permitem vivenciar a interação prática-teórica do processo ensino-aprendizagem proposto pelo curso. As atividades experimentais desenvolvidas nos laboratórios contribuem para a construção das várias habilidades que capacitam o aluno a trabalhar em equipe e elaborar projetos para as soluções de problemas impostos pelas contingências profissionais, bem como aqueles de caráter inovadores.
Os laboratórios estão distribuídos em núcleos segundo as três categorias de disciplinas – básica, profissionalizante e específica, determinadas pelo Projeto Pedagógico do UNIFIA, ou seja:

  • Laboratóros do núcleo básico de disciplinas: Física, Química, Informática, Expressão Gráfica, Fenômenos de Transporte e Ciência e Tecnologia de Materiais.
  • Laboratórios dos núcleos profissionalizante e específico: Metrologia, Automação, Hidráulica/Pneumática e Eletricidade.

Os laboratórios de Informática estão à disposição do Curso com horário e dias determinados.

 

Mercado de Trabalho e Áreas de Atuação

Devido à sua formação multidisciplinar e visão sistêmica, o mercado de trabalho para o engenheiro de produção é amplo. Além do mercado tradicional (empresas e empreendimentos industriais), uma série de setores/áreas passaram a procurar os profissionais formados em engenharia de produção. Portanto, o profissional de engenharia de produção pode ser absorvido tanto no âmbito industrial quanto no de serviços (bancos, repartições públicas, escolas, hotéis e comércio em geral). A seguir estão indicados os principais setores do mercado de trabalho para o engenheiro de produção:

  • Indústrias de automóveis, eletrodomésticos, de equipamentos, etc. enfim setores que fabricam algum tipo de produto.
  • Empresas de serviços tais como: empresas de transporte aéreo, transporte maritimo, construção, consultoria em qualidade, hospitais, consultoria em geral e cursos, etc.
  • Instituições e empresas públicas tais como: Correios, Petrobras, Agência Nacional de Energia, Agência Nacional de Petróleo, BNDEs, etc.
  • Empresas privadas de petróleo, usinas de açucar, empresas de telefonia, agroindústrias, indústrias de alimentos, bancos (parte operacional), seguradoras e fundos de pensão.
  • Bancos de investimento (na análise de investimentos)
  • Educação

 

E dentro da empresa as áreas de atuação do engenheiro de produção são:

  • Operações e Processo de Produção
  • Engenharia do produto
  • Pesquisa operacional: modelagem, simulação e otimização processos decisórios análise de demanda inteligência computacional, etc.
  • Planejamento: estratégico, produtivo, financeiro, etc
  • Área financeira: controle financeiro, controle dos custos, análise de investimentos.
  • Área de logística: planejamento da produção e da distribuição de produtos, etc.
  • Marketing: planejamento do produto, mercados a serem atendidos, etc.
  • Engenharia de sustentabilidade: gestão ambiental, gestão de recursos naturais e energéticos, desenvolvimento sustentável, etc
  • Educação em engenharia de produção.


 

 
FACEBOOK UNIFIA Baixe o Adobe® Flash® Player caso não consiga visualizar a página corretamente Baixe o Adobe© Acrobat Reader© caso não consiga visualizar arquivos PDF